Quem sou eu

Minha foto
Maricá - Itaipuaçu, Rio de Janeiro, Brazil
Sou poetisa, cantora, compositora e amante das artes.

sábado, 4 de outubro de 2014

LAVANDO AS MÃOS - Beatriz Oliveira



Eu tremo de tristeza e de medo quando vejo as pessoas lutando pelas cotas raciais e sociais nas universidades, fomentando a segregação racial e social no nosso país, ao invés de lutar pela educação de base, igualitária e qualitativa para todos, sem distinção, e tremo ainda mais de pavor e de pena quando vejo as pessoas defendendo e lutando pela maioridade penal aos dezesseis anos, sob a alegação de perversão dos menores de rua, ao invés de lutarem pela aplicação eficaz do Estatuto do Menor e do Adolescente, pelo funcionamento dos Conselhos Tutelares e das Casas de Assistência Social de seus Municípios e do fomento da ética e da moral nas escolas e dentro de suas próprias casas. 

Não percebem que cada vez mais as idades irão diminuindo? E que daqui a pouco tempo estaremos prendendo e culpabilizando crianças de dez, oito anos?

Sim! A solução menos trabalhosa é sempre melhor. 

Vamos empurrar o nosso dever para o Estado e jogar essas CRIANÇAS pervertidas pela nossa inércia e permissividade num sistema penal falido que os transformará em criminosos graduados.
Sim! Simplesmente porque é mais fácil, como Pôncio Pilatos, lavemos as nossas mãos

National Geographic POD