Quem sou eu

Minha foto
Maricá - Itaipuaçu, Rio de Janeiro, Brazil
Sou poetisa, cantora, compositora e amante das artes.

terça-feira, 4 de junho de 2013

ALMA PERDIDA - Beatriz Oliveira



... E eu ainda espero por aquele tempo
Em que o teu sorriso era a razão do meu sorriso
E os teus cabelos derramavam-se em cascatas
À busca de partes do meu corpo indeciso.
Ainda espero que retomes o frugal juízo
A ver que houve apenas um erro, um mal dito,
E que o orgulho, engasgo, espinha, osso,
Ri-se, ainda, do fim de um amor tão bonito.
... E eu ainda espero que o telefone toque...
Que haja uma carta, uma fantasmagórica aparição
Que transforme solidão em multitude,
Sofrimento em júbilo e justaposição universal.
Espero estancando com um sorriso o sangue
Que brota e brota e desata aos borbotões,
Tentando frear a hemorragia que me toma a vida
E que me faz buscar, ainda, meticulosamente, o seu rosto,
Apesar de toda esperança parecer perdida,
Por entre todos os homens da terra, dentre todos os bilhões.


Ocorreu um erro neste gadget