Quem sou eu

Minha foto
Maricá - Itaipuaçu, Rio de Janeiro, Brazil
Sou poetisa, cantora, compositora e amante das artes.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

SEDE (Beatriz Oliveira)


Desde a noite tenho sede...

Tenho-lhe perseguido, do sonho, pela treva,

Por um caminho espesso e em rede,

Tenho estado em alerta ao dormir,

Esperando teu momento que me enleva.


Tenho sede d’água fresca.

Um gole que seja, escorrendo a boca.

Que a idéia me povoa a alma animalesca

E me escorro sem que me possa dirimir,

Gostando, embora tema chegar a ficar oca.


Tenho sede desse lobo que não tenho.

Do sumo de sua boca, de sua pele, sumo-sexo.

Chapeuzinho aguada, desejando o lenho

Que a fará, talvez, loba também, no porvir...

Sede de sumo de beijo, sede de amplexo.

Ocorreu um erro neste gadget